Como saber se tenho direito ao PIS 2020?

Como saber se tenho direito ao PIS 2020

O PIS 2020 é um programa de Abono Salarial que destina a transferência de uma renda extra aos milhares de beneficiados espalhados por todo o território nacional. E como é um dos vários programas criados e mantidos pelo Governo Federal ocorre que muitas pessoas desconhecem o seu funcionamento ou possui dúvidas sobre as regras do PIS 2020.

Como saber se tenho direito ao PIS 2020
Como saber se tenho direito ao PIS 2020?

E por falar em regras, o PIS 2020 como qualquer outro programa possui seus próprios critérios, os quais são simples e fáceis de compreender e seguir. Foi pensando nisso que resolvi escrever este artigo para te auxiliar com todas as informações importantes sobre um dos melhores programas trabalhistas existentes no país. Você é o meu convidado, então venha comigo pelos próximos parágrafos.


Quem tem direito ao PIS 2020

Para saber se tem direito a receber o abono salarial 2020 ou não é importante que observe as seguintes condições do programa para verificar se você se enquadra. Veja a seguir quais são:

  • Deverá estar cadastrado no Programa há pelo menos 5 anos (para começar a receber o benefício);
  • Deverá ter executado suas atividades com a carteira de trabalho assinada pelo período mínimo de 30 dias consecutivos ou não no ano-base de apuração;
  • Deverá ter recebido, no máximo, 2 salários mínimos mensais durante o ano-base de apuração;
  • Deverá ter os seus dados devidamente entregues ao Ministério do Trabalho pelo seu empregador através da Relação Anual de Informações Sociais ou RAIS.

Como se pode observar, as regras do PIS são bem simples e se você estiver de acordo com todas elas poderão contar com este importante benefício que é pago uma vez ao ano e de acordo com a tabela específica do programa.


Como saber se tenho direito ao PIS?

O PIS é a sigla para “Programa de Integração Social” e geralmente é escrita acompanhada de outra que é o PASEP ou “Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público”. Trata-se de programas governamentais que compõem o chamado Abono Salarial, mas possuem algumas diferenças.

Tanto um quanto o outro nasceram em 1970 por meio de Lei Complementar número 7/ 1970 quando Garrastazu Médici era o então presidente da época.

O PIS é direcionado aos trabalhadores que atuam nas empresas da iniciativa privada, cujos contratos de trabalho são regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (ou CLT) e os pagamentos são realizados pela Caixa Econômica Federal.

Já o PASEP 2020 é direcionado aos servidores públicos, cujos contratos são regidos pelo Regime Jurídico Estatutário Federal e os pagamentos são realizados pelo Banco do Brasil.


Valor do PIS 2020

O beneficiário do programa poderá receber até um salário mínimo vigente na época do pagamento, o qual é realizado em uma única parcela.

O valor do PIS 2020 é proporcional ao tempo de serviço comprovadamente realizado durante o período de apuração. Cada mês de carteira assinada dá ao trabalhador direito à 1/12 do valor do salário mínimo 2020.

Para esclarecer possíveis dúvidas, a Caixa Econômica Federal liberou a seguinte tabela PIS 2020 de valores do abono:

Meses trabalhados
(entre dias dias)
Valor Abono 2020
1 (entre 30 e 44 dias) R$ 80,00
2 (entre 45 e 74 dias) R$ 159,00
3 (entre 75 e 104 dias) R$ 239,00
4 (entre 105 e 134 dias) R$ 318,00
5 (entre 135 e 164 dias) R$ 398,00
6 (entre 165 e 194 dias) R$ 477,00
7 (entre 195 e 224 dias) R$ 557,00
8 (entre 225 e 254 dias) R$ 636,00
9 (entre 255 e 284 dias) R$ 716,00
10 (entre 285 e 314 dias) R$ 795,00
11 (entre 315 e 344 dias) R$ 875,00
12 (entre 345 e 365 dias) R$ 954,00

Calendário PIS 2020

A tabela ou calendário PIS 2020 é atualizada todos os anos e é organizada a partir dos meses de aniversário, ou seja, o beneficiado do programa deve verificar qual é a data de pagamento referente ao mês de seu nascimento para se programar.

Nascido em ​Recebem a partir de ​Crédito em conta
​Julho ​27/07/2020 ​​25/07/2020
​Agosto ​17/08/2020 ​​15/08/2020
​Setembro ​14/09/2020 ​​12/09/2020
​Outubro ​19/10/2020 ​​17/10/2020
​Novembro ​17/11/2020 ​14/11/2020
​Dezembro ​14/12/2020 ​​12/12/2020
​Janeiro ​​​​18/0​1/2021 16/01/2021
​Fevereiro
​Março ​​22/02/2021 ​​​20/02/2021
​Abril
​Maio ​​15/03/2021 13/03/2021
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Consulta PIS pela internet

Consulta PIS pela Internet

Realizar a consulta PIS pela internet é uma das formas mais simples e viáveis que os beneficiados do programa podem contar. Com a expansão da internet nas diversas camadas da sociedade, o Governo Federal desenvolveu novos canais de comunicação para os variados programas e serviços oferecidos à população.

Desta forma, você consegue ficar por dentro de todas as informações do seu beneficio sem a necessidade de se deslocar até algum posto ou agência de atendimento. Além disso, o Governo conseguiu diminuir as filas nos órgãos públicos e assim melhorou o atendimento para oferecer um serviço de qualidade aos cidadãos.

Consulta PIS pela Internet
Consulta PIS pela Internet

Especificamente no caso do PIS você pode consultar a situação do seu Abono Salarial tanto pela internet como pelo telefone, ou seja, cabe a você escolher a alternativa que ache melhor. De qualquer modo, resolvi escrever este artigo para te mostrar, por meio de um pequeno passo a passo, como você deve fazer para consultar o seu PIS com toda a segurança e comodidade. Ficou curioso? Então é só continuar a leitura deste artigo atentamente até o final. Venha comigo!


Como consulta PIS pela internet

Muitos beneficiados estão preferindo fazer a consulta do seu Abono Salarial Caixa pela internet. E se você deseja se juntar a esta turma, deve fazer o seguinte:

  1. Acesse o site da Caixa Econômica Federal
  2. Na sua página principal procure no menu a opção “Benefícios e programas”
  3. Logo surgirão várias opções listadas, é só procurar por PIS e clicar.
  4. O sistema vai te redirecionar para uma nova página onde você deverá informar o número completo do seu PIS (sem traços, pontos ou hífen) e a sua senha pessoal de acesso para fazer o login.
    • Se for a primeira vez que realiza este procedimento precisará criar uma senha para ter direito ao acesso dos dados importantes sobre o seu PIS. Para isso, é só clicar sobre o botão “Cadastrar senha” e criar uma para utilizar o sistema imediatamente.
  5. Assim que você efetua o login da sua conta poderá checar todas as informações sobre o seu beneficio.

Mas não é só isso: através do mesmo acesso é possível conferir a atualização do seu FGTS (Fundo de Garantia pelo Tempo de Serviço) e também do Seguro Desemprego (caso esteja recebendo).


Como consultar o PIS pelo aplicativo Caixa

Além do site da Caixa, você pode consultar o Caixa PIS 2020 através do aplicativo no seu celular. Trata-se do aplicativo “Caixa” desenvolvido pelo próprio banco e que pode ser baixado gratuitamente para o seu smartphone. Vale lembrar que o aplicativo está disponível para os três maiores sistemas operacionais que são: Google Play, Apple Store e Windows Store.

Para baixa-lo é só ir à loja de aplicativos do seu smartphone, pesquisar por “Caixa” e verificar a listagem de opções que conta também com “FGTS e PIS – Consulte Saldo” e “Consulte PIS”. Na primeira opção, você poderá acessar os principais serviços do banco somente em um único aplicativo!


Consulta PIS pela internet no DATAPREV

Como você viu a pouco é possível consultar o seu Abono Salarial pela internet por meio do site da Caixa Econômica Federal que é a instituição financeira parceira do Governo Federal, e que é responsável pelo pagamento do beneficio a milhares de brasileiros em todo o Brasil.

Além do banco, você também pode consultar a situação do seu PIS pela internet por meio de outro site: o DATAPREV. Trata-se de uma empresa que foi criada em 1974 e que é responsável pelo Processamento de Dados da Previdência Social e que se encontra diretamente ligada ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Pois bem, para consultar a situação do seu PIS pelo site do DATAPREV é só clicar neste link (cnisnet.inss.gov.br). Na página CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais) clique em “Filiado” para ser redirecionado para outra página onde deverá informar alguns dados pessoais, como é o caso do número do seu RG, CPF, nome da mãe, seu nome completo e data de nascimento.

Se você não se lembrar do número do seu cadastro no PIS, poderá obtê-lo através da consulta no site do DATAPREV por meio do preenchimento do formulário na tela. Digite os dados solicitados nos campos obrigatórios para que o sistema lhe mostre o número do seu beneficio.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Quem tem direito ao PIS 2020: Como saber?

Quem tem direito ao PIS 2020?

Quem tem Direito ao PIS 2020 – O Programa de Integração Social ou simplesmente PIS é um dos programas criados e mantidos pelo Governo Federal de maior sucesso. Mas você conhece as regras do programa? Sabe quem tem direito ao PIS 200? Confira a seguir e descubra se você tem direito ao PIS.

O Abono Salarial surgiu por meio da Lei Complementar número 7 de 1970 com o intuito de bonificar os trabalhadores de empresas privadas, cujos contratos são regidos pela CLT (Consolidação das Leis de Trabalho) com uma remuneração para que possam se manter integrados com as empresas auxiliando-as a se desenvolverem.

Quem tem direito ao PIS 2020?
Quem tem direito ao PIS 2020?

Com esta proposta, pode-se dizer que o PIS 2020 é uma “verdadeira injeção de dinheiro” na economia nacional, pois auxilia na manutenção do emprego do funcionário; crescimento das empresas, que podem aumentar o seu quadro de funcionários; e aumento do consumo, como finalidade da utilização do Abono Salarial por parte dos trabalhadores beneficiados.

Como se sabe, o PIS 2020 beneficia milhares de trabalhadores todos os anos, os quais sempre aguardam com grande expectativa a divulgação do calendário e consequente saque do pagamento do Abono Salarial.

Já que você chegou neste artigo, aproveito para te convidar a lê-lo com bastante atenção até o final, uma vez que aproveitarei a oportunidade para te mostrar qual é a finalidade ou objetivo do PIS, e também quem tem direito de participar e receber a remuneração do Programa.


Quem tem direito ao pis 2020?

As regras do PIS são simples e claras. Para saber se você tem direito a receber o Abono Salarial que é pago pela Caixa Econômica Federal é preciso se encaixar nas seguintes condições:

  • Precisará estar cadastrado no PIS pelo período mínimo de 5 anos (para poder começar a receber o beneficio, ou seja, em 2020 poderão receber os trabalhadores que se inscreveram no programa até 2013);
  • O trabalhador deverá ter executado suas atividades profissionais com a sua Carteira de Trabalho devidamente assinada pelo período mínimo de 30 dias consecutivos ou não durante o ano-base de apuração;
  • Deverá ter recebido como remuneração mensal a média máxima de até 2 salários mínimos durante o ano-base para apuração;
  • O seu empregador deverá enviar os seus dados corretos ao Ministério do Trabalho através da Relação Anual de Informações Sociais ou como é mais conhecida, RAIS;
  • Somente terão direito ao abono salarial PIS 2020 os trabalhadores empregados pela Iniciativa Privada.

Quem não tem direito a receber o PIS 2020?

Quem não tem direitoNem todos os trabalhadores, porém, têm direito a receber o PIS 2020. Confira a seguir quais classes de trabalhadores não terão direito ao benefício:

  • Diretores de empresas ou cargos sem vínculo empregatício;
  • Empregados domésticos ou outras classes com a carteira assinada por pessoa física;
  • Estagiários e aprendizes
  • Trabalhadores do setor público (terão, entretanto, direito ao PASEP 2020);
  • Trabalhadores com renda mensal superior a 2 salários mínimos;
  • Trabalhadores com menos de 5 anos de cadastro no PIS;
  • Trabalhadores com menos de 30 dias de carteira assinada durante o ano base.

E pelas regras do PIS é necessário que o trabalhador esteja vinculado a uma empresa privada que seja uma pessoa jurídica, ou seja, que esteja cadastrado no CNPJ.


Calendário PIS 2020

Além de beneficiar os trabalhadores cadastrados da iniciativa privada, o PIS é também uma contribuição tributária que é paga pelas empresas por meio das obrigações trabalhistas com o intuito de financiar o pagamento do Abono Salarial 2020 e do Seguro-desemprego.

Confira abaixo o calendário do PIS 2020, e descubra quando você poderá sacar seu benefício:

Nascido em ​Recebem a partir de ​Crédito em conta
​Julho ​27/07/2020 ​​25/07/2020
​Agosto ​17/08/2020 ​​15/08/2020
​Setembro ​14/09/2020 ​​12/09/2020
​Outubro ​19/10/2020 ​​17/10/2020
​Novembro ​17/11/2020 ​14/11/2020
​Dezembro ​14/12/2020 ​​12/12/2020
​Janeiro ​​​​18/0​1/2021 16/01/2021
​Fevereiro
​Março ​​22/02/2021 ​​​20/02/2021
​Abril
​Maio ​​15/03/2021 13/03/2021

Quanto à participação do trabalhador no programa, o mesmo deve ser cadastrado no PIS para ter direito a receber a remuneração, de acordo com o calendário PIS 2020, acima apresentado.


Cadastro PIS 2020

O cadastro é realizado uma única vez e é valido por toda a vida profissional do beneficiado. O procedimento é bem simples: Quando o trabalhador é admitido no seu primeiro emprego e entrega a sua CTPS ao empregador, este é obrigado por lei a cadastrá-lo no programa.

Para isso, o empregador utiliza o chamado DCN que significa “Documento de Cadastramento do NIS” (sendo que esta sigla é o mesmo que “Número de Identificação Social”), o qual você obtém assim que solicita a emissão da sua Carteira de Trabalho nos Postos de Atendimento do Ministério do Trabalho.

Depois que este processo é realizado, o trabalhador poderá solicitar em uma agência da Caixa Econômica Federal o seu Cartão Cidadão para facilitar os procedimentos de consulta e saques do PIS e outros programas sociais importantes, como é o caso do Seguro-desemprego e do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).


Valor do PIS 2020

O valor do PIS 2020 varia de acordo com o tempo de carteira assinada do trabalhador no ano base. Isso porque cada Mês com a carteira assinada dá direito ao trabalhador à 1/12 do valor do salário mínimo.

Para ter direito, é necessário pelo menos 30 dias com a carteira assinada durante o ano base. Para mais detalhes, confira a tabela PIS 2020 abaixo:

Meses trabalhados (entre dias dias) Valor Abono 2020
1 (entre 30 e 44 dias) R$ 80,00
2 (entre 45 e 74 dias) R$ 159,00
3 (entre 75 e 104 dias) R$ 239,00
4 (entre 105 e 134 dias) R$ 318,00
5 (entre 135 e 164 dias) R$ 398,00
6 (entre 165 e 194 dias) R$ 477,00
7 (entre 195 e 224 dias) R$ 557,00
8 (entre 225 e 254 dias) R$ 636,00
9 (entre 255 e 284 dias) R$ 716,00
10 (entre 285 e 314 dias) R$ 795,00
11 (entre 315 e 344 dias) R$ 875,00
12 (entre 345 e 365 dias) R$ 954,00
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Como saber o número do PIS 2020?

Como saber o número do PIS 2020

É graças ao número do PIS que muitos trabalhadores têm a oportunidade de resolver algumas pendências financeiras, fazer pequenos investimentos, juntar com um dinheiro guardado para a aquisição de algo importante ou então poupar para ser utilizado em momento oportuno. O PIS (Programa de Integração Social) é uma importante ferramenta de integração entre os trabalhadores e as respectivas empresas. E, desde a sua criação em 1970, tem auxiliado milhares de beneficiados em todo o Brasil.

Como saber o número do PIS 2020
Como saber o número do PIS 2020

O PIS também conhecido como 14º salário é mantido pelo Governo Federal e pago pela Caixa Econômica. Vale lembrar que um dos requisitos básicos para se participar do PIS é que o trabalhador exerça suas atividades profissionais somente em empresas e corporações da iniciativa privada, assim como estar devidamente cadastrado no programa pelo período mínimo de 5 anos.

Neste artigo, vou te mostrar como descobrir o número do seu PIS 2020 e o que se pode fazer com ele. Preparado? Então vamos lá!


Como descobrir o número do PIS

O número do PIS pode ser encontrado em vários documentos do trabalhador brasileiro, é importante apenas que este fique atento aos locais onde ele pode ser encontrado:


Como descobrir o Número do PIS na carteira de trabalho

Na Carteira de Trabalho: Se o modelo da sua CTPS é o antigo é só procurar a numeração que é composta por 11 dígitos nas últimas páginas. Já nos modelos atuais é só verificar na parte superior da primeira página o número que aparece no campo “PIS/PASEP”.

Número do PIS na carteira de trabalho
Número do PIS na carteira de trabalho

O número do PIS nada mais é do que o número ou código de seu cadastro no programa que é obtido no momento da inscrição, e o mesmo é único e intransferível. Você pode obter o número do PIS assim que solicitar a emissão da sua carteira de trabalho, cuja numeração vem impressa no próprio documento e geralmente na página em que se encontra a sua foto e nome completo.

O número do seu PIS não sofre alterações (Mesmo que precise emitir uma nova CTPS por qualquer motivo).


Como descobrir o Número do PIS no Cartão Cidadão

No Cartão Cidadão: São os 11 dígitos localizados na parte frontal do cartão abaixo do seu nome completo. Bom, feito estes esclarecimentos podemos dar prosseguimento ao artigo.

Como descobrir o Número do PIS no Cartão Cidadão
Como descobrir o Número do PIS no Cartão Cidadão

Como saber o número do PIS pelo DATAPREV

O DATAPREV é a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social, e que tem como responsabilidade realizar a gestão da base de dados sociais brasileira. E, por meio do seu site é possível encontrar o número do PIS (Programa de Integração Social), do NIT (Número de Identificação do Trabalhador) e do PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público).

  • Para fazer a consulta do seu PIS no site do DATAPREV clique neste link (cnisnet.inss.gov.br).
  • No menu superior, clique em “Inscrição” e depois em “Filiado”.

    Consulta PIS dataprev
    Consulta PIS dataprev
  • No formulário apresentado é só preencher os campos obrigatórios, ou seja, o seu nome completo, nome da sua mãe, o seu CPF, a sua data de nascimento e o texto da imagem apresentado no final da tela.
  • Depois é só clicar em “Continuar” para que o sistema lhe apresente na mesma tela, o número do seu PIS dentro do campo de tonalidade rosada.

    Consulta número do PIS Dataprev 2020
    Consulta número do PIS Dataprev 2020

Com o número do seu PIS em mãos procure anota-lo em lugar seguro e protegido para que em qualquer necessidade possa encontra-lo, assim como também salvar o link que te passei a pouco do DATAPREV nos seus favoritos e grava-lo com alguma informação fácil de lembrar como, por exemplo, “Meu PIS pelo DATAPREV”.


O que posso fazer com o número do PIS?

Muitas pessoas fazem esta pergunta, uma vez que o cadastro é composto por 11 dígitos e não é solicitado em nenhum preenchimento de formulário. Mas nem por isso ele perde a sua utilidade, pois é muito importante para:

  • o recolhimento de contribuições sociais como o FGTS
  • Consultar e sacar o Seguro-desemprego;
  • Para fazer contribuições sociais pelo calendário bolsa família;
  • Consulta e saque do Abono Salarial 2020.

Compreendeu? Aproveite e deixe a sua curtida no botão do facebook.


Como saber o número do PIS

Você só é cadastrado no programa para poder receber o Abono Salarial Caixa quando começa a trabalhar com a carteira assinada. A este ponto é interessante mencionar alguns detalhes importantes, a saber:

O cadastro no PIS é feito somente uma vez (Na primeira oportunidade em que for trabalhar com a carteira assinada o seu empregador realizará o cadastro, o qual é obrigatório para empresas que possuem inscrição no CNPJ). Com ele, você pode consultar o valor e o calendário PIS 2020.

Além destas formas você também pode descobrir o número do seu PIS pela internet. Veja a seguir como é simples e fácil.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Caixa PIS 2020

Caixa PIS 2020

O PIS ou Programa de Integração Social é também popularmente chamado de 14º salário. Pago pela Caixa Econômica Federal, o Caixa PIS surgiu em 1970 com a Lei Complementar número 7/1970, e de lá para cá tem ajudado milhares de trabalhadores da iniciativa privada com um salário extra que pode ser aproveitado da forma como desejar. Hoje, o Caixa PIS 2020 beneficia mais de 40 milhões de trabalhadores, que contam com o valor liberado pela caixa e pelo Ministério do Trabalho para o pagamento de dívidas, através do Calendário Caixa PIS 2020.

Caixa PIS 2020
Caixa PIS 2020

Um dos objetivos do Caixa PIS 2020 é promover maior integração entre o trabalhador e a empresa, os beneficiários do programa se esforçam em manter os seus postos de trabalho para que possam assim receber o PIS que acaba fazendo parte de suas vidas profissionais.

Ao longo deste artigo, irei te mostrar melhor como funciona este importante programa mantido pelo Governo Federal, as suas regras e condições, além do calendário de pagamentos para este ano de 2020. Continue comigo pelos próximos parágrafos.


Quem tem direito ao PIS?

O PIS funciona da seguinte forma: primeiramente você deve se cadastrar e depois que completar cinco anos terá direito a receber o Abono Salarial Caixa, desde que atenda os seguintes critérios, a saber:

  • Como dito, estar cadastrado no PIS pelo período mínimo de cinco anos;
  • Deve ter recebido até dois salários mínimos como remuneração média mensal durante o ano-base de apuração;
  • Deve ter exercido suas atividades profissionais com registro na carteira de trabalho pelo período mínimo de 30, dias que podem ser consecutivos ou não no ano-base para a devida apuração;
  • Deve ter os seus dados corretamente informados pelo seu empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) que deve ser entregue ao Ministério da Economia (ME).

Desta forma, são excluídos do programa os trabalhadores urbanos e rurais que trabalham para pessoas físicas, trabalhadores que recebem remuneração superior a dois salários mínimos, empregados domésticos, menores aprendizes e diretores que não possuem vínculo empregatício.

O PIS como qualquer outro programa possui suas próprias regras e é comum encontrar muitos trabalhadores que ainda possuem dúvidas sobre os critérios exigidos para a participação. E uma das questões mais pertinentes é referente ao tempo de cadastro e prazo para o recebimento.

Sendo assim, é importante logo esclarecer este detalhe para que você não fique com dúvidas e possa ajudar outras pessoas que, por acaso, ainda não sabem.


Calendário PIS 2020

O calendário de pagamentos Caixa PIS 2020 foi divulgado pela Caixa Econômica Federal no início do ano, e contém as datas de pagamento do PIS 2020. Os pagamentos serão liberados para os trabalhadores de acordo com o mês de nascimento do beneficiário. Os primeiros pagamentos serão liberados para as pessoas nascidas no mês de Julho, seguindo mês a m^^es até quem nasceu no mês de Junho.

Para mais detalhes, confira abaixo a tabela de pagamentos do Calendário Caixa PIS 2020:

Calendário PIS 2020
Nascido em ​Recebem a partir de ​Crédito em conta
​Julho ​26/07/2019 ​​24/07/2019​
​Agosto ​16/08/2019 ​​14/08/2019​
​Setembro ​13/09/2019 ​​11/09/2019​
​Outubro ​18/10/2019 ​​16/10/2019​
​Novembro ​20/11/2019 ​13/11/2019
​Dezembro ​13/12/2019 ​​11/12/2019
​Janeiro ​17/0​1/2020 15/01/2020
​Fevereiro
​Março ​​21/02/2020 ​​19/02/2020
​Abril
​Maio ​​14/03/2020​​ 12/03/2020
​​Junho

O calendário é divulgado e atualizado todos os anos e sua vigência é igual ao mesmo período, ou seja, dura um ano, sendo que geralmente começa por volta de julho e se encerra em junho do ano seguinte.

A criação do calendário foi uma proposta bastante positiva, pois assim os trabalhadores beneficiados se organizam para receberem o seu PIS e evita-se possíveis tumultos que poderiam ser gerados caso não houvesse esse tipo de organização com a separação dos pagamentos por datas distantes. Veja a seguir como funciona a tabela do PIS 2020.


Valor do Caixa PIS 2020

O valor do benefício varia de acordo com o tempo de trabalho no ano base do calendário, e o valor máximo do benefício é de 1 salário mínimo na data de liberação do benefício – e não necessariamente na data de saque.

Por exemplo:

  • Quem trabalhou em 2019 durante todo o ano, terá direito a sacar 1 salário mínimo de abono salarial 2020;
  • Quem trabalhou em 2019 durante apenas 1 mês, terá direito a sacar apenas 1/12 do valor do salário mínimo do abono Caixa PIS 2020.

Confira abaixo a tabela de valores de acordo com o tempo de trabalho com a carteira assinada, divulgada pela Caixa Econômica Federal:

Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 80,00
2 (45 a 74) R$ 159,00
3 (75 a 104) R$ 239,00
4 (105 a 134) R$ 318,00
5 (135 a 164) R$ 398,00
6 (165 a 194) R$ 477,00
7 (195 a 224) R$ 557,00
8 (225 a 254) R$ 636,00
9 (255 a 284) R$ 716,00
10 (285 a 314) R$ 795,00
11 (315 a 344) R$ 875,00
12 (345 a 365) R$ 954,00

Tabela PIS 2020

A tabela do PIS 2020 apresenta duas datas para cada mês de aniversário do trabalhador: uma que é para o saque geral, ou seja, para boa parte dos beneficiados e outra para quem possui conta bancária na Caixa Econômica Federal.

Nesta, o trabalhador só precisa verificar o seu extrato, pois a instituição credita diretamente o valor do seu beneficio na conta, o que é mais seguro e cômodo, tendo em vista que o beneficiado não precisa se deslocar até uma agência da Caixa ou unidade das Casas Lotéricas.

Vale lembrar que todos os beneficiados devem sacar o seu PIS 2020 até o dia 30 de Junho que é o prazo final, senão perderá a remuneração, ok? Então deixe a sua curtida abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Empregada Doméstica tem direito ao PIS 2020

Empregada doméstica tem direito ao PIS 2020

As empregadas domésticas vêm lutando para conquistarem os direitos trabalhistas que a maioria das categorias já usufrui. Para ter ideia, as trabalhadoras ficaram muito tempo sem ter nenhum tipo de regulamentação devido a questões burocráticas que acabaram dificultando na aquisição de direitos e deveres. Mas e o abono salarial? Empregada doméstica tem direito ao PIS 2020? Para tirar essa e outras dúvidas, confira abaixo tudo sobre os direitos trabalhistas das empregadas domésticas.

Empregada doméstica tem direito ao PIS 2020
Empregada doméstica tem direito ao PIS 2020?

De uns tempos para cá, graças à luta realizada pela categoria, alguns importantes benefícios foram conquistados como é o caso do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

Como essa conquista foi celebrada como uma grande vitória é comum que muitas empregadas domésticas e seus respectivos patrões tenham dúvidas quanto ao direito de recebimento do PIS, que beneficia milhares de trabalhadores todos os anos.

✅ Fique atento: se você tem direito a receber o PIS, confira já as datas de pagamento do calendário PIS 2020, da Caixa Econômica Federal.

Sendo assim, é provável que você já tenha se perguntado: Será que a empregada doméstica tem direito ao PIS 2020? Bom, para saber a resposta para esta e outras perguntas você precisará continuar comigo neste artigo. Me acompanha? Então vamos lá!


Empregada Doméstica tem direito ao PIS 2020?

Esta é uma pergunta que, como se diz, não quer calar. Afinal de contas, nos últimos anos, as empregadas domésticas têm conquistado aos poucos os seus direitos trabalhistas. Dentre eles, destacam-se: a aposentadoria do INSS, a formalização do trabalho de empregada doméstica na Carteira de Trabalho e o recebimento do Seguro Desemprego.

Quanto à pergunta chave deste artigo, a resposta é a seguinte: a empregada doméstica não tem direito a receber o PIS 2020 como outras categorias profissionais beneficiadas.

Ainda que seja um objeto de conflito e revolta, principalmente pelas trabalhadoras, o problema reside em uma questão burocrática que envolve a impossibilidade e ausência de meios necessários que possam oficializar o vínculo empregatício da profissional com o seu respectivo empregador por meio da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) que é um modelo de documento utilizado pelas empresas que possuem CNPJ, e que deve conter todos os dados dos trabalhadores vinculados para serem devidamente informados ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Nesse ínterim, para que as empregadas domésticas possam ter o direito de receber o Abono Salarial é necessário que haja alterações neste ponto para que as trabalhadoras possam ser cadastradas para passarem a receber o PIS.


Quem tem direito ao PIS 2020 – Regras para receber o PIS

Como todo programa de remuneração, o PIS possui regras que permitem selecionar adequadamente os trabalhadores que tem o direito ao Abono Salarial. Para isso, é necessário que eles atendam todos os requisitos abaixo:

  • Podem participar do PIS somente trabalhadores que atuam na iniciativa privada com a sua CTPS devidamente assinada;
  • O trabalhador deverá estar cadastrado no PIS pelo período mínimo de 5 anos;
  • O trabalhador deverá receber até 2 salários mínimos como renda mensal;
  • Deverá ter trabalhado pelo menos 30 dias com a carteira assinada no ano anterior;
  • Os seus dados devem ser informados pelo empregador na RAIS para que possa ser enviada ao Ministério do Trabalho.

Benefícios Sociais das empregadas domésticas

Até o momento, as empregadas domésticas não possuem o direito de receber o PIS 2020, mas já contam com vários outros benefícios importantes. São eles:

  • Carteira de trabalho assinada;
  • Direito de receber horas extras;
  • Seguro desemprego (caso sejam demitidas sem justa causa);
  • Adicional noturno;
  • Salário Família;
  • FGTS;
  • Auxilio creche (para quem possui filhos pequenos).

Bom, por enquanto só resta aguardar para que em breve, as trabalhadoras possam ser cadastradas no PIS.


Como funciona o PIS 2020

O PIS é a sigla de Programa de Integração Social que foi criado na década de 1970 pelo Governo Federal como forma de incentivar e aumentar a integração entre funcionários e respectivas empresas.

Desta forma, todos os anos, o Governo Federal junto com a Caixa Econômica Federal realiza o pagamento de até um salário mínimo para os trabalhadores que são devidamente cadastrados no programa.

Também conhecido pelo nome de Abono Salarial 2020, este importante programa de remuneração financeira é pago aos trabalhadores que atuam em empresas da iniciativa privada e também os servidores públicos das esferas municipais, estaduais e federais.

Os trabalhadores beneficiados deste setor estão inseridos no PASEP 2020 (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) pago através do Calendário PASEP 2020, sendo os benefícios destes pagos pelo Banco do Brasil. Tanto os trabalhadores privados como os públicos recebem a remuneração de direito do PIS/PASEP em cota única e de acordo com o calendário de pagamentos que é único para cada modalidade.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Cadastro PIS 2020

Cadastro PIS 2020

Você já deve ter ouvido alguém falar sobre o Cadastro PIS 2020? O PIS ou Programa de Integração Social nasceu através da Lei Complementar número 7 de 1970, e tem como objetivo integrar o empregado que trabalha no setor privado com o desenvolvimento da empresa a qual se encontra devidamente vinculado através do Cadastro PIS.

Cadastro PIS 2020
Cadastro PIS 2020

PIS 2020

Desta forma, todos os anos o Governo Federal por meio da Caixa Econômica realiza o pagamento do chamado Abono Salarial Caixa, que pode chegar até um salário mínimo vigente, uma vez que cada trabalhador recebe o valor do PIS proporcional ao tempo de serviço comprovadamente realizado durante o período de apuração.

Para isso, é importante que os trabalhadores da iniciativa privada estejam cadastrados no Programa para que possam assim ter o direito a receber o PIS, cujo dinheiro tem ajudado milhares de beneficiários em todo o Brasil.

E, já que você chegou até este artigo, terá a oportunidade de conhecer as regras deste importante programa do Governo. A seguir te mostrarei o que é preciso fazer para se cadastrar no PIS.


Como Fazer Cadastro PIS 2020

Algumas pessoas acreditam que é só trabalhar em uma empresa privada que automaticamente já fazem parte do PIS, mas isso não é verdade. É necessário que o trabalhador esteja cadastrado e atenda as exigências do programa para poder receber o Abono Salarial 2020.


Como se cadastrar no PIS 2020

Antes de qualquer coisa, é importante dizer que o cadastro é feito em uma única etapa e o mesmo é realizado pelo empregador, porém o trabalhador também pode fazê-lo, mesmo sendo mais comum a ação realizada pelo primeiro.

Caso prefira realizar sozinho o seu cadastro no Programa deverá fazer o seguinte: dirija-se até uma agência da Caixa com os seus documentos pessoais, inclusive, o RG, CPF e um comprovante de residência.

Quando chegar a agencia você deverá procurar o serviço de “atendimento pessoal” e solicitar o seu cadastramento no PIS. O funcionário do banco lhe entregará o NIT que é o “Número de Identificação do Trabalhador”, o qual equivale ao PIS e que estará impresso na sua Carteira de Trabalho.


Cadastro PIS pela internet

Além do cadastro presencial é possível realizar o mesmo procedimento através da internet – o que gera maior praticidade e economia de tempo já que não precisará ter que sair de casa – o qual é bem simples, fácil e rápido de fazer.

Sendo assim, acesse o site do Dataprev (https://cnisnet.inss.gov.br/cnisinternet/faces/pages/perfil.xhtml), e ao ser redirecionado você deve clicar no menu “Inscrição” e em seguida “Filiado”. Preencha corretamente todos os campos do formulário disponibilizado, principalmente aqueles que aparecem com asterisco vermelho (obrigatórios).

Observe que, logo no começo do formulário, há uma importante informação que se refere ao caso dos segurados que são de origem indígena, os quais devem realizar o seu cadastro de outra forma, ou seja, através da FUNAI que é a “Fundação Nacional do Índio” e que, portanto, tem como tarefa auxiliar os índios em diversas situações.

Se você já fez o seu cadastro no PIS, confira as datas do Calendário PIS 2020 e descubra quando sacar o seu abono salarial.


Cadastro PIS Autônomo

Muitas pessoas não sabem, mas é possível fazer o cadastro no PIS sendo um trabalhador autônomo, cujos contribuintes que fazem parte desta categoria especial são aqueles conhecidos como:

  • Individuais;
  • Facultativos;
  • Empregados domésticos;
  • Segurados especiais.

Semelhante ao cadastro presencial, você deve se dirigir até uma agência da Caixa Econômica Federal para ser cadastrado no Regime Geral de Previdência Social e assim receberá o seu NIT. Para não perder tempo, não se esqueça de levar os seus documentos, principalmente:

  • Carteira de Identidade;
  • Carteira de Trabalho;
  • CPF.

Como sacar o PIS 2020

O PIS 2020 é pago uma vez ao ano e em parcela única através da Caixa Econômica Federal. Se você tiver alguma conta aberta na instituição, o depósito do seu benefício é creditado diretamente, ou seja, basta conferir o seu extrato para checar o valor.

Agora, se você não possui uma conta bancária na Caixa precisará comparecer a:

  • Agência da Caixa Econômica Federal;
  • Casas lotéricas;
  • Pontos de saque Caixa Aqui
  • Rede de autoatendimento (caixa eletrônico) da Caixa Econômica Federal.

Para sacar o PIS 2020, é necessário estar munido de:

  • Seu Cartão Cidadão
  • Documento pessoal de identificação com foto

✅ Se não tiver o cartão cidadão, o trabalhador deverá realizar o saque em uma agência da Caixa com a Carteira de Trabalho e documento de identidade com foto.

Lembre-se que para a liberação do saque é necessário digitar a sua senha cadastrada no programa para receber o beneficio. Boa sorte!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Abono Salarial Caixa 2020

Abono Salarial Caixa 2020

O Abono Salarial Caixa refere-se ao PIS (Programa de Integração Social) que foi criado pelo Governo Federal na década de 1970 como forma de promover maior vinculação entre funcionários e empregadores que atuam no setor privado da economia nacional.

O valor do Abono Salarial Caixa é de até um salário mínimo vigente que, em 2020, é de R$1020,00. Ou seja, o trabalhador cadastrado no programa contará com uma renda a mais que poderá ser utilizada conforme o seu interesse particular.

Abono Salarial Caixa 2020
Abono Salarial Caixa 2020

É comum se referir ao Abono Salarial 2020 como o 14º salário do trabalhador, pois é um dinheiro a mais que tem sido muito importante para os milhares de brasileiros que aguardam ansiosamente pelo seu recebimento.

A seguir, você verá neste artigo como funciona o calendário do Abono Salarial Caixa, o qual é muito procurado pelos seus beneficiários, já que é através dele que cada trabalhador fica sabendo em que momento se pode sacar o beneficio. Continue comigo.

Calendário do Abono Salarial Caixa

O Calendário do Abono Salarial Caixa foi criado como uma forma de organização que auxilia a todos os envolvidos neste importante programa de transferência de renda direta, ou seja, o Governo estipula as datas de forma que evite possíveis tumultos nas filas de recebimento, os funcionários da Caixa atendem mais e melhor a cada cidadão e o trabalhador pode se organizar para receber tranquilamente o seu benefício.

Nascido em ​Recebem a partir de ​Crédito em conta
​Julho ​27/07/2020 ​​25/07/2020
​Agosto ​17/08/2020 ​​15/08/2020
​Setembro ​14/09/2020 ​​12/09/2020
​Outubro ​19/10/2020 ​​17/10/2020
​Novembro ​17/11/2020 ​14/11/2020
​Dezembro ​14/12/2020 ​​12/12/2020
​Janeiro ​​​​18/0​1/2021 16/01/2021
​Fevereiro
​Março ​​22/02/2021 ​​​20/02/2021
​Abril
​Maio e Junho ​​15/03/2021 13/03/2021

Desta forma, o calendário do Abono Salarial Caixa foi baseado no mês de nascimento do trabalhador que, como se pode observar, os nascidos entre Julho e Dezembro recebem nos respectivos meses.

Já os últimos seis meses recebem nos três primeiros meses do ano: os nascidos em Janeiro e Fevereiro (a partir do dia 19 de Janeir), os nascidos em Março e Abril (a partir de 16 de Fevereiro) e os nascidos em Maio e Junho (a partir de 16 de Março).


Tabela Abono Salarial Caixa

É importante ressaltar que a tabela do Abono Salarial, cuja vigência é de um ano possui um prazo final para cada período, e neste que compreende 2019-2020 é o dia 30 de junho.

O significado para esta data limite é o seguinte: Todo trabalhador que tem direito a receber o Abono Salarial Caixa deve realizar o saque do seu beneficio até esta data limite para não perder a remuneração.

O Abono não é cumulativo e, por conseguinte, todo valor que não for sacado retorna para o FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), o qual é responsável pelo custeio de benefícios dos principais programas do Governo como é o caso do Seguro-desemprego e do próprio Abono Salarial.

Desta forma, o FAT funciona como uma espécie de reserva financeira para arcar justamente com os pagamentos dos benefícios; e se você não sacar o seu PIS o valor retorna ao FAT impossibilitando-o a receber o Abono referente aquele período. Consequentemente, caberá esperar por nova oportunidade de saque.


Quem tem direito ao Abono Salarial Caixa

Para ter direito ao Abono Salarial Caixa 2020 é importante que os trabalhadores que atuam nas empresas privadas estejam de acordo com as seguintes exigências do Governo Federal e da Caixa Econômica:

Deverá ter trabalhado com a carteira devidamente assinada pelo período mínimo de 30 dias, os quais podem ser consecutivos ou não;

Não deverá ter recebido mais do que 2 salários mínimos médios por mês durante o ano-base de apuração;

Deverá estar cadastrado no PIS/PASEP pelo período mínimo de 5 anos;

A empresa empregadora ou órgão responsável pelo vínculo do trabalhador deverá ter informado os seus dados corretamente na relação que obrigatoriamente deve ser entregue ao Ministério do Trabalho, cujo documento é conhecido como RAIS.


Diferença entre PIS e PASEP

Como já deve ter visto, geralmente se escreve o nome dos programas juntos, ou seja, PIS/PASEP. Eles possuem semelhanças, mas não são iguais. Trata-se de programas de Abono Salarial que se destinam aos trabalhadores que exerceram suas atividades durante o ano-base de apuração.

O PIS 2020 é voltado para quem trabalha na iniciativa privada e o pagamento é realizado pela Caixa, já o PASEP 2020 é direcionado aos servidores públicos, cujo pagamento é feito pelo Banco do Brasil. Fora isso, as regras são as mesmas para obter os respectivos benefícios.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Extrato PIS 2020

Extrato do PIS 2020

Desde que foi criado em 1970, o PIS (Programa de Integração Social) auxilia milhares de brasileiros em todo o território nacional com a remuneração de até 1 salário mínimo que é pago pela Caixa Econômica Federal. O trabalhador, entretanto, precisa ficar atento ao saldo do PIS, e a maneira mais simples é consultar periodicamente o Extrato PIS 2020. Esse procedimento é simples e gratuito, e assim você pode ficar por dentro das datas de saque do Abono Salarial PIS 2020.

Como se sabe, todos os anos o valor e data de pagamento do Calendário PIS sofre alteração, se bem que no primeiro caso é só observar e acompanhar a atualização do reajuste salarial, tendo em vista que o valor do beneficio é baseado justamente no valor do salário mínimo.

Extrato do PIS 2020
Extrato do PIS 2020: Como consutlar o Saldo PIS

Porém, muitas pessoas ficam em dúvida quanto a estes detalhes e, sabendo disso, resolvi escrever este artigo para mostrar como é simples acessar e consultar o extrato do PIS. É por isto que aproveito a oportunidade para te convidar a me acompanhar pelos próximos parágrafos com bastante atenção. Preparado? Então vamos lá!


Extrato PIS 2020 pela internet

Se você prefere evitar o deslocamento até uma agência da Caixa e enfrentar filas, poderá consultar o extrato PIS pela internet, que é a maneira mais rápida de consultar o saldo do PIS.

Nesta opção, a qual é importante ressaltar que o procedimento é seguro, você deve acessar o site da Caixa.  Para isso, basta:

  1. Acessar a página da Caixa Econômica Federal;
  2. Na página inicial do banco procure no menu horizontal a opção “Benefícios e Programas”.
  3. Observe que há vários links clicáveis listados, procure em “Benefícios do trabalhador” por “PIS” (que está localizado abaixo de “FGTS”).
  4. O sistema vai te redirecionar para uma nova página do programa. Procure e clique sobre o botão “Consultar pagamento”, para conferir o saldo PIS 2020 e as datas de pagamento do Calendário PIS.
  5. Assim que a nova página finalizar o carregamento é só preencher os campos solicitados com o número do seu NIS (PIS/PASEP), sua “Senha Internet” e depois clicar sobre o botão “Ok”.

E atenção: você também pode realizar a consulta utilizando o seu e-mail no lugar do NIS. Para isso é só clicar sobre o botão “Login e-mail” ao lado do primeiro campo, o qual se refere justamente ao NIS.

Se este for o seu primeiro acesso: Você poderá fazer o cadastro imediatamente. É só digitar o número do seu PIS e clicar no botão “Cadastrar senha” para realizar todo o procedimento necessário.

E por falar em senha, você deve ter observado que ainda existem outros dois botões disponíveis na tela sobre o assunto, a saber:

  • “Trocar senha”, caso deseje alterar a que foi anteriormente cadastrada por outra que julgar melhor ou necessária;
  • “Esqueci senha” para os casos em que não consegue se lembrar e precise recuperar a senha para fazer o login no site.

E, antes de encerrar este artigo quero te falar que você também pode realizar a consulta do seu beneficio através do aplicativo “Caixa Trabalhador” que se encontra disponível no site da Caixa.

Basta digitar o número do seu NIS para ter acesso as informações do PIS como a situação do seu beneficio e o calendário de pagamentos.


Extrato PIS em Agências Bancárias

Se você é uma daquelas pessoas que preferem ter acesso as informações detalhadas do seu beneficio de forma tradicional, ou apenas deseja conhecer o procedimento para utiliza-lo caso passe em frente a uma agência e resolva aproveitar a oportunidade para entrar e solicitar o extrato do seu PIS deve fazer o seguinte:

Em primeiro lugar, devo te lembrar de que a instituição bancária ligada ao PIS é a Caixa Econômica Federal. Sendo assim, você poderá utilizar o terminal do caixa eletrônico, o atendimento pessoal na agência da CEF ou o atendimento no guichê das Casas Lotéricas.

Em qualquer uma das alternativas escolhidas é necessário que você esteja portando os seguintes documentos exigidos:

  • Seu RG ou qualquer outro de identificação com foto;
  • Seu CPF;
  • Seu Cartão Cidadão.

Contudo, se você não possuir o seu próprio Cartão Cidadão é só apresentar os demais documentos e o número do seu PIS para realizar a consulta do seu extrato. Na ocasião, poderá solicitar o seu cartão para facilitar o acesso às informações pertinentes do seu beneficio. E a titulo de curiosidade, a solicitação e retirada do Cartão Cidadão

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...